sexta-feira, 23 de julho de 2010

Poesia no varal

Poesia no varal
 
 Objetivos: estimular o gosto pela leitura de poemas; sensibilizar os alunos com relação á importância da poesia e da criação de novas sensibilidades; possibilitar a leitura de poemas pelo viés do lúdico.

 Números de participantes: 20 a 30.

 Tempo de duração: 1h30 min.

 Recursos necessários: diversos poemas, jornais, revistas, papel sulfite, cola, tesouras, cordão, grampea-
 dor, canetas, som, CD com músicas tranquilas.

  Passo a passo

 Colocar diversos poemas estendidos num varal e solicitar aos participantes que os leiam silenciosamente. ( se as crianças não sabem ler, solicitar que escolham um poema para ser lido pelo(a) professor(a)  Enquanto eles passeiam os olhos pelos poemas, o professor colocará uma música tranquila.

 Solicitar que cada aluno escolha um poema para que seja representado por figura, foto, ilustração e   palavras, que serão retiradas dos jornais e/ou revistas.

 Após a escolha do material, montar o trabalho na folha de papel sulfite e pendurar em outro varal.

 Depois que os trabalhos forem expostos no varal, os alunos farão outro passeio com a finalidade de identificar qual poema está sendo representado por aquele material. Todos devem opinar.

 Finalmente, solicitar a experiência, pedindo a cada um que fale sobre o poema escolhido e como ele foi representado.      

Nenhum comentário:

SABEDORIA

SABEDORIA

HÁ DOIS TIPOS DE SABEDORIA: A INFERIOR E A
SUPERIOR.
A SABEDORIA INFERIOR É DADA PELO QUANTO ELA TEM CONSCIÊNCIA DE QUE NADA SABE.
TENHA A SABEDORIA SUPERIOR SEJA UM ETERNO APRENDIZ NA ESCOLA DA VIDA.
A SABEDORIA SUPERIOR TOLERA, A INFERIOR JULGA ; A SUPERIOR ALIVIA; A INFERIOR CULPA; A SUPERIOR PERDOA, A INFERIOR CONDENA.
(AUGUSTO CURY)